Filhos: Educar para o Céu!

Vivemos tempos difíceis. Nos últimos dias os jornais e as redes sociais noticiaram casos de suicídios entre jovens e adolescentes incentivados pelo jogo da baleia azul. Na série da netflix 13 Reasons Why, após cometer o suicídio a menina entrega 13 fitas revelando os motivos de sua morte. Sem falar dos inúmeros programas de TV, filmes e músicas com conteúdos inadequados que entram em nossas casas e na maioria das vezes nem sabemos. O que fazer? Como enfrentar os desafios do mundo moderno? Como educar os nossos filhos para que sejam saudáveis e felizes?

Tenho buscado inúmeros livros, palavras de especialistas e métodos tentando a melhor fórmula para usar na educação de filhos, mas a tarefa não é tão simples assim. Os filhos são diferentes, cada um tem um mundo interior a ser desvendado, um jeito de ser, uma personalidade própria.

Comecei então a buscar na palavra de Deus ensinamentos que pudessem me ajudar nesta difícil tarefa que Deus confiou a nós pais.  Descobri que a melhor maneira de garantir a felicidade dos nossos filhos é educar para o céu, só Deus pode dar a eles o verdadeiro sentido de viver. “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou.”

Na bíblia encontrei vários ensinamentos, mas este me chamou atenção: “Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a sua alma e de todas as tuas forças. Os mandamentos que hoje te dou serão gravados no teu coração. Tu os ensinarás a teus filhos e deles falarás seja sentado em tua casa, seja andando pelo caminho, ao te deitares e ao te levantares”. (Deu 6- 6-7)

É preciso amar a Deus de todo o coração, com toda a nossa alma e com todas as nossas forças e apresentá-lo a nossos filhos em todas as oportunidades, em casa, no caminho da escola, ao amanhecer e na hora de dormir, ou seja, sempre. Como um remédio que precisa ser tomado várias vezes ao dia.  Não podemos nos cansar. Ninguém ama aquele que não conhece. É preciso falar da alegria que é ser de Deus, de como Ele é maravilhoso e fiel.  Precisamos despertar nas crianças e jovens o desejo de conhecer e amar a Deus. Falemos de Jesus e da vida eterna que ele conquistou para nós, falemos também do Espírito Santo que faz novas todas as coisas, de Maria, dos anjos, dos apóstolos, da palavra de Deus…

E como falar? Como atrair o interesse deles? Eis aí o maior desafio. Precisamos usar a criatividade, adentrar ao coração, encantar.  Dom Bosco usava de várias habilidades para atrair os jovens desde jogos, brincadeiras e até mesmo como equilibrista e sempre dizia: “Não basta amar os jovens é preciso que eles saibam que são amados”. Também Madre Carmem dizia: “Conhecereis as crianças e sabereis educá-las”. Peçamos a graça de Deus e a intercessão dos santos para essa nobre missão de educar os nossos filhos para o céu. Que eu não perca nenhum daqueles que ele me confiou.

Deus nos abençoe!

 

Lavínia Mesquita

Fase do discipulado da Comunidade Obra de Maria

Missão Brasília

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...