Jesus e eu

jesus e eu

A paz de Cristo irmãos e irmãs!

Hoje gostaria de refletir com vocês sobre nosso relacionamento pessoal com Deus. Nesta Quaresma, fiz o propósito de ler os 4 Evangelhos, cada um em sua sequência. Comecei pelo Evangelho de São Marcos e graças a Deus tenho conseguido ser fiel ao estudo e à oração com a Palavra de Deus.

É interessante notar como a sequência enriquece o nosso conhecimento acerca da vida de Jesus, da sua personalidade e dos seus ensinamentos. Muitos dizem que Jesus é o médico dos médicos, mas Ele também é o professor dos professores, pois em tudo que faz se preocupa em ensinar, se preocupa em nos fazer entender situações e circunstâncias da vida diária que nos acometem.

Mas hoje gostaria de trazer à luz uma questão que me chamou muito a atenção: Os discípulos de Jesus! Estou encantada com a história de cada um, seus comportamentos, suas atitudes, suas palavras para com o Mestre e também para com a multidão. Mas meu encantamento não está relacionado a uma admiração, e sim a uma identificação minha com os discípulos.

É impressionante perceber como Jesus escolheu para estar com Ele aqueles homens “muito normais”. Uso essa expressão porque tantas e tantas vezes julgamos aqueles que andam mais perto de Jesus como melhores, ou mais santos.

O caminho percorrido pelos discípulos foi longo. Hoje são reconhecidos pela Igreja como santos, mas antes passaram pelas mesmas coisas que eu e você passamos. Isso me anima, pois se existem pessoas que passaram pelo que passo e alcançaram a glória de Deus, tenho mais força e mais esperança.

Mas algo também me faz refletir. Muito foi o tempo que os discípulos permaneceram com Jesus. Eles comiam com ele, dormiam, descansavam, conversavam. Receberam a autoridade para expulsar demônios. Estavam perto, junto a maior parte do tempo. Mas mesmo assim não tinham intimidade com Jesus. Eram tardios para entender, almejavam glórias terrenas e tinham vergonha de perguntar o que não entendiam. Foram 3 anos de vida com Jesus, mas sem intimidade. Tantas pessoas que foram curadas, tocadas e olhadas por Jesus, sem passar tanto tempo com Ele, tiveram uma mudança de vida tão forte, como Zaqueu por exemplo.

Há quanto tempo você caminha com Jesus, conversa com Jesus, serve a Jesus, fala Dele, mas não é íntimo? Perde-se em coisas terrenas, esbarra na hipocrisia e no fundo quer aparecer melhor para as pessoas, mas sabe que seu coração está distante e às vezes até apodrecido pelo pecado.

Não seja hipócrita! Acorda, levanta e anda! Você está tão perto de Jesus, mas desconfia quando deve confiar, se angustia quando deve estar em paz e murmura quando deveria louvar.

Se torne íntimo de Jesus. Reze, busque, leia a Bíblia e os documentos da Igreja, busque os sacramentos. Você precisa estabelecer um relacionamento, como um namoro ou uma amizade que só seguem em frente com muita conversa e convivência a sós. Você e seu amado, seu amado e você!

É com a construção dessa intimidade que você viverá a vida em abundância que Ele preparou pra você! E tudo que te faz falta, não terá mais importância, pois você estará vivendo com todo o essencial que precisa. Não perca tempo, comece agora e peça ao Espírito Santo que te conduza nessa direção, de um relacionamento verdadeiramente íntimo com Cristo.

Abraço fraterno! Deus te abençoe!

dani-palmaDani Palma

Consagrada Obra de Maria

Missão Brasíilia

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...